terça-feira, fevereiro 09, 2010

Tentação (XVI)

(...)

Herodes não gostava nada do que se estava a passar.
Quis saber quem eram os pais da criança de que tanto se falava.
Ouvira dizer que era filho de um carpinteiro e de uma doméstica.
Como poderia ser?

Mas Joseph já calculava que algo iria acontecer e resolveu pegar na sua mulher, fugindo em busca de algo importante.
A sobrevivência de seu filho.

(...)

9 comentários:

Rose disse...

Passando para lhe desejar uma boa sexta.
Bjs.

Gata Verde disse...

...e resultou!

beijos

A Senhora disse...

Gostei... Ele assumiu o filho. :)

bjs

Lady from the city disse...

gosto do jeito como vc escreve sabia?

o¤° SORRISO °¤o disse...

Oi Roderick.

Viu?!? Voltei! :-)

Nossa tinha tanta coisa para ler. Mas valeu a pena.

E apesar de tudo, lá atrás assumiu o filho como seu.

*******

“Deus não pode estar em todos os lugares e por isso fez as mães.”

Ditado judaico




♥.·:*¨¨*:·.♥ Beijos mil! :-) ♥.·:*¨¨*:·.♥




http://brincandocomarte.blogspot.com/

___________________________________

dona tela disse...

Eu aprendi isso na catequese. Acredita?

Pascoalita disse...

Um pai às direitas, como se diz lá na santa terrinha eheheh

Com o Domingo a dar as últimas, passo para desejar uma óptima semana.

Teté disse...

Hummmm... e não houve capítulo XVI?!

Esta é uma crítica bastante "construtiva", note-se! :)))

Jinhos!

Roderick disse...

Teté, obrigado!!!
nem tinha notado!