terça-feira, fevereiro 09, 2010

Tentação (VI)

O tempo passava e aquilo andava a roer por dentro. Tinha de falar com o marido antes que acontecesse uma desgraça. A mãe de Mariah sentia que, para bem da filha, tinha de fazer algo. Falou com o esposo e colocou-o ao corrente da situação. Ele ouviu, suspirou e acedeu, preocupado em falar com Joseph. Deslocou-se a sua casa e chamou-o. Intrigado, por seu sogro o visitar a uma hora de trabalho, foram vagueando pelas ruas da aldeia para poderem conversar.
O pai de Mariah, com algum receio, explicou que ela andava com sonhos impuros, eróticos, molhados e que necessitava urgentemente de um homem.
Ficou chocado com o que o seu sogro lhe dizia. Nunca pensara ouvir aquilo de sua boca. Mesmo não estando para aí virado, concordou. Explicou que nunca o fizera porque Mariah era apenas uma companhia doce e terna. Nunca olhara para ela como uma mulher necessitada do toque carnal de um macho! Mas aceitava as razões do sogro e ia fazer o papel que lhe cabia no leito conjugal.
Pelo menos ia tentar, pensou!

25 comentários:

Carla disse...

estranho esse tentar...
e porque impuros?
beijos

Roderick disse...

Carla, era o pensar da época!

carla mar disse...

o Joseph... não tem é pedal :D

Roderick disse...

Carla. Ou tem pedal para outras coisas. eheheh

Teresa Durães disse...

hum... sabes a diferença entre homens e mulheres? uma delas é exactamente essa; o homem tem necessidades de uma parceira enquanto elas passam bem sem isso. Mas visto este texto ser escrito por um homem... ;)

Rosa dos Ventos disse...

Olha que ainda és excomungado! :-))

Abraço

A Senhora disse...

Caramba! A última frase é de matar! :)) E é a Mariah que tem pensamentos impuros?! :))

beijinhos

Roderick disse...

Teresa! Permite-me discordar contigo!
Garanto-te que há mulheres que tem necessidades como os homens!
Não são todas!
Vá-se lá saber porquê!

Roderick disse...

Rosa, podes crer!

Roderick disse...

Senhora. O quê? Que ia tentar? Pois! Pobre homem. Tinha de fazer o esforço! ahahahahah

Carlos II disse...

Estou a acompanhar a novela.
Apenas um abraço.

dark_soul disse...

Oi Roderick, para além de vir aqui dizer o nome da musica se quiseres ver no imeem, que é "droga" dos guardiões do subsolo, venho agradecer todos os comentários de força e apoio que tens deixado no meu cantinho. ah e parabeniza-lo pelos seus blogs.
um beijo e obrigada
dark soul

Fernanda Ferreira disse...

Roderick,

Coitada da Mariah...pensamentos impuros??? Bem não me estendo mais até porque ainda não tinha tido a honra de o conhecer.

Bjs.

Drêycka disse...

eu vou ler as historinhas de baixo... pq eu naum entendi nada!!!!!!!

Teté disse...

Bem, se pelo menos já pensou nisso, já não é mau de todo (um pouquito lerdo, este Joseph, não?)... :)

Jinhos!

Roderick disse...

Carlos, Blogonovela! eheheheh

Roderick disse...

Dark, só te digo uma coisa. Quero esse nome em pouco tempo mudado para white soul, ou soul of light ou qualquer coisa do género. Entendes?Combinado?

Roderick disse...

Fernanda, é apensa uma historieta que não se deve dar importância!
BEM VINDA!!!!!!!

Roderick disse...

Dreycka, sem leres tudo não percebes, né?

Roderick disse...

Teté, lerdo não. Cauteloso.
;-)

Teresa Durães disse...

O porquê tem a ver com os ciclos hormonais que o homem tem num dia e a mulher de 28 em 28 dias

Roderick disse...

teresa, há algumas que tem esses ciclos diariamente.

Susn F. disse...

A ver vamos essas tentativas...

Cristiane Marino disse...

Cauteloso demais esse Joseph! ô loco o pai da garota precisou intervir, ixi...rs

Michele Hubner disse...

ainda bem que ele vai fazer alguma coisa.