terça-feira, fevereiro 09, 2010

"A camisa de Raúl Bonifácio" ou "A inveja é coisa feia"

Estava Raúl Bonifácio a trabalhar, quando uma colega se apercebeu de algo que não estava bem!
Raúl tinha uma linha solta nas costas de sua camisa! Situação inadmissível!!!
Avisou-o discretamente ao que Raúl agradeceu.
Raúl tentou arrancá-la torcendo o tronco todo para puxar a linha com a mão, mas a colega disse que não o fizesse porque corria o risco de ficar com um buraco na camisa.
Raúl não lhe deu importância e puxou com toda a força o fio solto.
O resultado foi um buraco nas costas da camisa.
Ora ali estava um grande problema! Como é que ele iria continuar o seu trabalho com um buraco na camisa? Seria inadmissível para a sociedade em que estava inserido!!
O chefe chamou-o ao gabinete e disse:
- Raúl, sei que está a trabalhar com um buraco nas costas da sua camisa. E não tente negar porque já soube de fonte fidedigna. Nem tente disfarçar vestindo o casaco. O melhor que tem a fazer é ir para casa resolver a situação. E se amanhã ainda tiver o buraco, fique em casa. As camisas estão primeiro.
- Mas chefe, eu sinto-me bem!! O buraco nem se vê!!
- Raúl, Raúl! Já lhe disse e não repito. Colaborador meu, não trabalha com buracos nas costas da camisa. O arranjo da roupa, seja ela camisa, calça ou até mesmo roupa interior está primeiro!
E assim lá foi contrariado, para casa.
No dia seguinte o chefe ligou-lhe mas Raúl ainda não tinha resolvido o problema do buraco.
O chefe como bom condutor de homens disse para ele ficar em casa até ao fim de semana e que resolvesse isso da melhor maneira.
Chegou a sexta feira e o chefe tornou a contactá-lo. Raúl já desesperançado com a situação contou que já tinha ido com a mulher a vários locais do país, inclusive à região do Algarve, tendo mesmo dado um pulo a Espanha, mas não tinha conseguido encontrar a cor correcta para remendar a camisa!
O chefe, compreensivo, disse para não se preocupar e até lhe aconselhou o nome de duas ou três costureiras muito boas que poderiam ter algum bocado de linha daquela cor! Bastante caras mas valiam a pena.
Três semanas depois, Raúl voltou ao serviço. Feliz, com a camisa remendada e bastante bronzeado. “Foi por causa da busca árdua que fiz!” dizia ele para quem o quisesse ouvir!
Até que se apercebeu da ausência de Ermengardina.
“Sabe Raul, após você se ausentar, a Ermengardina apercebeu-se de que tinha uma linha solta nas meias.” Disse o chefe “Claro que quando me contaram isso, ordenei logo que fosse para casa”.
“Invejosa” pensou Raúl “Não pode ver nada!!!”

39 comentários:

Teresa Durães disse...

ora, ora, só podia fazer o mesmo! E é preciso ver que hoje tudo se deve remendar porque a crise não é para se deitar fora!

Adriana disse...

Muito interessante ! Remendos muitas vezes é o ideal!

Roderick disse...

Teresa - É a crise, é a crise. ehjeheh

Roderick disse...

Adriana - Depende do que estejamos a falar, claro!

Rosa dos Ventos disse...

Mas por aqui a crise é divertida! :-))

Abraço

Rose disse...

Ermengadina estava com vontade de sair , tal como fez Raúl.Inveja...
Querido, um grande beijo sapeca, viu?

Roderick disse...

Rosa dos Ventos, crise divertida? Qual crise? Nos contos não há crise! Isso é na vida real!

Roderick disse...

Rose, são umas invejosas, Mais um beijo sapeca, viu?

A Senhora disse...

Será que estão com vagas abertas onde o Raúl trabalha? :))))))

Adorei!

bjs

bat_trash disse...

Hahahaha...adorei!
Ess chefe deveria é remendar o seu desconfiomêtro, pois haja fio de roupas e meias a correrem desde então.

Beijos.

Patricia Daniela ♥ disse...

realmente, a inveja é uma coisa muito feia! :D

Agulheta disse...

Foi aqui que se falou em crise???só no bolso de alguns,e te digo gostei da história,nada pior que ser invejoso.
Beijinho

vida de vidro disse...

Olha lá, o homem só tinha uma camisa??? :)))**

Nanda Assis disse...

muito bom.

bjosss...

Roderick disse...

Snhora - Propôe-te que o chefe o Raúl arranja um espacinho.

Roderick disse...

B. - Esse chefe tem um desconfiómetro. Ninguém o engana.
Exceptuando a Ermengardina, claro! eheheehh

Roderick disse...

Patricia. Digo mais! É uma coisa muito feia, mesmo!

Roderick disse...

Agulheta. A inveja ajuda à crise, também! É um conjunto de tudo!

Roderick disse...

Vida de Vidro. Pois, coitado! É a crise, é a crise! eheheheh

Roderick disse...

Nanda Assis. - Muito bom? Quem? O Raúl?

Teté disse...

Hilária a tua história!!! :)))

E sabes que há quem considere a Ermengardina espertalhona, em vez de invejosa???

Beijoca!

Roderick disse...

Teté, os invejosos são sempre espertos!

Laura disse...

Tão, ó tu, esfarrapa-te nino, todas as semanas e vais ver, terás férias pagas, mas que andarilho à conta de não saber fazer três por uma linha, ehhhhhhhhhhhhhhhhh...Beijinhos.

nánáninaná, aquilo nem era inveja meninas, aquilo era pura vontade de ir de férias uns diazitos e digam lá se não invejaram..ai eu sim, mas que bom ir a espanha à procura de linhas do mesmo tom...desconfio que de Espanha nem bom vento nem bom casamento e linhas? ah, já nem sei, mas hei-de ver isso...

o¤° SORRISO °¤o disse...

Oi Roderick.

Por causa desse buraco na camisa ele passeou bastante, quer dizer, fez uma busca extremamente árdua em prol da empresa e do emprego. Também quero... :-)

*******

Entusiasmo é acreditar na nossa capacidade de fazer as coisas
acontecerem, de darem certo, de transformar a natureza e as pessoas.
Nós é que temos que entusiasmar nossas idéias...


BOM FIM DE SEMANA PARA VOCÊ!!


♥.·:*¨¨*:·.♥ Beijos mil! :-) ♥.·:*¨¨*:·.♥

dona tela disse...

Andamos para aqui a fazer catarses, é o que é.

a.m disse...

Infelizmente existem muitas linhas soltas, e muitas pessoas que as querem puxar. Gostei.

Alexandra disse...

Ou seja, a boa aparência acima de tudo. Nem que seja com um remendo!

Bem, mas se queres que te diga, com um chefe desses a crise cá para os meus lados seria ENORME!!!!Não havia trapinho que não tivesse buraquinho eheheheh

Kisses :)

Idun disse...

"mas que bela ideia!
acho que vou descobrir um buraquinho qualquer no vestido e ausentar-me por tempo indeterminado, até conseguir remendar completamente as aparências" - disse a minha Humana.

marradinhas amistosas da bicharada do "pequeno jardim"

Mary Joe disse...

http://desaltosaltosvarios.blogspot.com/

Laura disse...

Hum, a camisa já tá remendada? post novinho em folha... senão daqui nada o pessoal emigra todo lá para Espanha... beijinhos, muito e constipadinhos, bolas, dou mais de meia duzia de atchins seguidos..

Laura disse...

ah, e tenho tanta coisa gira para historias e como ja vi que não tenho jeito na escrita a relatar os factos assim a modos d ehistórias, adoraria ter-te como parceiro ah, rapaz, basta olhar para aqui ou ali e sai logo a inspiração..quem sabe ouvindo serei melhor escritora...Beijinhos.

Roderick disse...

Laura - Não fazer 3... por uma linha. ahahahah. Está boa, essa. Bom trocadilho.

Roderick disse...

Sorriso, não é qualquer um que tem uma camisa com uma linha solta! eheheheh

Roderick disse...

Dona Tela. Catarses? Náááá! É um conto, simplesmente. Pura ficção!

Roderick disse...

A.M. - Contanto que não puxem as minhas, estáo à vontade!

Roderick disse...

Alexandra, já sabes que este país vive de aparências.
Beijocas

Roderick disse...

Idun. Mas olha que as iludencias aparudem, ou será as aparências iludem?
Marradinhas dos bichos de cá de casa!

Roderick disse...

Mary Joe, logo vou ver, obrigado

Roderick disse...

Laurinha, o tempo tem sido curto.
Já te disse, manda ideias para o meu e-mail e eu dou-lhes a volta e faço contos. Ok?
Beijões