quinta-feira, junho 25, 2009

Lugar sagrado





(...)
Para o vulgar dos mortais era um bosque escuro e sombrio.
Não eram raras as noites em que alguém, que se aventurasse pelos seus recantos, não dissesse que vira figuras translúcidas a flutuar.
Vultos de belas e estranhas mulheres cruzavam o horizonte dos seus olhares.
Outros achavam que viam olhos negros, cavos, profundos a observá-los.
Não era qualquer um que se aventurava nele de ânimo leve.
Quem não tivesse o sangue dos Antigos não poderia ver a sua beleza.
Era um local sagrado, temido ou adorado.

(...)

Lugar sagrado

Óleo em tela de Ana Garrett
1,46 x 0,89

Execerto de conto de Paulo Roderick

22 comentários:

Teté disse...

Curioso, já não me lembrava deste...

É como tudo, uns dizem-nos mais do que outros... ;)

Beijocas!

Conversa Inútil de Roderick disse...

Teté, é um grande que está na salad e entrada. A foto, a meu ver, está muito escura e não dá a qualidade necessária que o quadro tem!

O Profeta disse...

Nasceu!
Nascem a todo o instante
Os sentires vindos da alma
Tatuados a cada semblante

Um beijo na tua procura
Um abraço fica suspenso
Um sorriso desponta da tristeza
Um olhar prende o momento


Bom fim de semana



Abraço

Teresa Durães disse...

os lugares intimidam alguns, não é? os mistérios acabam por ser incompreendidos

Cátia Alves disse...

Boa Tarde Roderick...reparei que visita frequentemente o blog da minha tia, Maria Soledade, e que percebe de literatura...por isso e tendo criado o meu blog`recentemente, gostaria de lhe pedir que passasse por lá, deixando alguma comentário/sugestão. Desde já agradeço, Cátia Alves

http://palavrasmarevento.blogspot.com

Conversa Inútil de Roderick disse...

Profete, por acaso até me apetece fazer uma tatuagem! E não é na alma! Essa já é tatuada frequentemente...

Conversa Inútil de Roderick disse...

Os Mistérios só são reconhecidos pelos Iniciados, Teresa.
Beijocas

Conversa Inútil de Roderick disse...

Olá Cátia, bem vinda!
O que é feito da tua tia?
E... o que é isso de perceber de literatura?

Passarei por lá! Obrigado por tão formal convite!
;-)

Natacha disse...

Não sei dizer se são as palavras que melhor vestem a tela, se a tela que brilho dá às palavras...

Seja como for... gosto!

Beijo

Laura disse...

Fogo, cada quadro a sua beleza, a sua forma e cor..lindo, lindo, só quem sabe pintar assim...Beijinhos meu querido extra terrestre...

Cátia Alves disse...

Roderick, venho agradecer o seu comentário no meu blog...sinto muito por ter perdido a sua mãe tão cedo, pois mãe é a pessoa mais importante na vida de alguém. Eu nunca conheci o meu avô materno (pai da minha tia) mas no entanto é uma das pessoas que mais amo, e das, tenho a certeza, que mais me guiam...por isso nunca duvide que a sua mãe está sempre consigo esteja ela onde estiver, não se esqueça também de lhe dedicar todas as suas vitórias, pois é graças às mães que somos o que somos!

Gostava de saber a sua opinião em relação à minha escrita...considera que tenho algum talento?, estarei no caminho certo?, tem algum conselho que me possa conceder?

beijocas, Cátia Alves

Conversa Inútil de Roderick disse...

Natacha, feliz por gostares da nossa simbiose!
Continua a... tatuar este cantinho!
;-)
Beijocas

Conversa Inútil de Roderick disse...

Laura, agora sou um extraterrestre?????
ahahahah
Qualquer dia sou, sei lá, o... corcunda de Notre-Dame!
ahahahah

Conversa Inútil de Roderick disse...

Catia, amiga,quem sou eu para avaliar a tua escrita ou o teu talento?
No caminho certo, estás de certeza!
Quem lê e escreve muito está sempre no bom caminho!
E o teu de certeza absoluta que é o correcto!
Olha lá! E a tia, por onde anda?

Å®t Øf £övë disse...

Roderick,
Todos nós temos lugares sagrados, nem que seja apenas no nosso imaginário.
Abraço.

Valdemir Reis disse...

Olá Roderick estou visitando, parabéns pelo belissimo trabalho, excelente. Quem segue acompanhado de um amigo vai mais longe, muito além...
Compartilho o texto a seguir
“A amizade é assim:
É sentir o carinho,
É ouvir o chamado.
É saber o momento
de ficar calado.
Amizade é somar
alegrias, dividir tristeza.
É respeitar o espaço,
silenciar o segredo.
È a certeza
da mão estendida.
A cumplicidade que
não se explica,
Apenas vive!”
Olavio Roberto
Grato de coração por sua atenção e gentileza. Deixo votos de um fim de semana repleto de muitas alegrias, muitas bênçãos e que reine a paz, saúde e proteção, brilhe sempre! Fique com Deus. Encontrar-nos-emos sempre por aqui. Felicidades.
Valdemir Reis

Maria Soledade disse...

Olá Rod! A "tia" por acaso anda por aqui...fiquei admirada pela minha sobrinha ter entrado no teu blog!!!Mas, fez ela muito bem.Saber escolher os "amigos" é uma virtude.

Olha, não ando virada para a escrita.'Tou como a Laurinha...em Baaaaaaixo...muito lá 'pó fundinho mas, quando vier à tona e conseguir respirar na perfeição, vais acabar por te fartar de mim.É que eu sou mesmo cola, chatiiiinha...ahahahahah

Nem me disseste se aprovaste a fatiota que te arranjei!Bolas, e tive eu tanto trabalho a vestir-vos...ah, mas 'tavam um must...os dois!!
:::::::::::::::::::::::::::::::::::
Não sei se gosto mais do conto,se mais da tela,se mais da tela ou do conto!FOOOOGO!!!!!Voçês são IMBATÍVEIS e PRONTO!!!!

A D O R E I

Beijinhos p'rós dois

***Extra Terrestre ahahahahah...Muito Fixe essa da Laura...

Conversa Inútil de Roderick disse...

Art, há sempre um lugar sagrado onde nos recolhemos longe dos olhares de quem quer que seja.

Conversa Inútil de Roderick disse...

Obrigado Valdemir. Abraços

Conversa Inútil de Roderick disse...

Olá "Tia"! eheheheh
Em baixo? Espero que não seja por nada de grave!
Fatiota? Que fatiota? Sinceramente não estou a ver...!

Maria Soledade disse...

TIIIIIAA???FOGO!!! Já tenho 10 sobrinhos e agora aparece-me outro?Bom, a tua sortinha é eu gostar muito de ti, dos teus contos, e dos quadros da tua Ana "Sobrinho",hehehehe...

Olha, a fatiota refere-se ao emprego que eu te arranjei no: "PRECISA-SE"...tu não querias um emprego??Então tia que é tia que se preze arranja emprego p'ros sobrinhos e eu, a Tia, lá estive.Presente, na hora certa...

Ahahahahah...voçês estavam giros, olá se estavam...

Beijinhos

***Não, não é nada de grave apenas um mau momento que,há-de passar...

Conversa Inútil de Roderick disse...

Maria Soledade, é verdade!! Já não me recordava!
O kilt que usei para servir à mesa!

Pois é! Foi terrivel! Como, por tradição, não se traz nada por baixo...e como era curto... os clientes para me chamarem... bem...!
ahahahahahah